Sobre Nós

QUEM NÓS SOMOS

Quem nós somos

Corporação Musical Euterpe, a banda de música mais antiga do Brasil, representa um símbolo vivo da tradição de seu povo. É lembrada sempre como a mensageira da poesia do lugar onde nasceu, por meio de retretas na praça ou no caminhar garboso de seus músicos pelas ruas da “Princesa do Norte”.

A corporação musical que é a mais antiga do Brasil em atividade e a quarta da América, continua despertando o interesse das novas gerações para a prática da música de qualidade e esse poder de rejuvenescimento é o segredo de sua longevidade.

É atribuída ao Maestro João Batista de Oliveira, conhecido por João Pimenta no dia 22 de agosto de 1825 a fundação da Euterpe, banda de música que se mantém acesa, nobre, fascinante e jovem.

Passou por vários momentos de reestruturação, com Joaquim Gomes de Araújo (avô do maestro João Gomes de Araújo) em 1848. Mais tarde, Américo José de Farias, e depois João Antonio Romão também tiveram presenças significativas na história da Euterpe (do grego, deusa da música).

Uma História Invejável!

A história é rica de grandes e gloriosos momentos. A Euterpe já tocou no Rio de Janeiro a convite do Imperador do Brasil D. Pedro II e para o então governador Jânio Quadros em 1958.

Participou de um dos mais famoso programas de rádio que existiu, o “Lira de Xopotó”, da extinta Rádio Nacional que tinha a sede na cidade do Rio de Janeiro, essa apresentação memorável foi no dia 7 de março de 1964.

Para manter-se jovem e atraente aos novos músicos, o repertório é atualizado e adequado para seu tempo com os tradicionais dobrados, o maxixe, samba e outros ritmos da atualidade.

Enquanto muitas bandas morreram, a Euterpe luta para manter-se viva. Pela história que tem pra contar, sua existência é fundamental porque documentou boa parte da história e cultura da cidade de Pindamonhangaba e do Brasil.

Luta Pela Sobrevivência

Sendo a Corporação Musical Euterpe declarada de utilidade pública em 1958, pelo então Governador Jânio Quadros, e incluída como acervo histórico do município em 1990 (lei orgânica municipal), seria redundante afirmar que a Euterpe tem que sobreviver. Isso é fato! Missão deixada por antepassados para que as gerações futuras tenham também um comprometimento com a banda que já tocou para barões e viscondes, governadores, e até imperadores. Qual outra entidade pode ostentar tantas primazias?

E para continuar sempre jovem, atualizada, dinâmica, sobeja e orgulhosa de sua rica história, a banda conta com a união de esforços de todos os segmentos da sociedade. 

Preparada como signatária para receber seus alunos e desenvolver-lhes o sentimento de cidadania, civismo e amor pela música, a Euterpe tem condições de continuar desafiando o tempo e preenchendo os ares com suas maviosas melodias.

Projetos Sociais

A Corporação Musical Euterpe tem acalentado vários projetos sociais, dentre eles o Programa Aprendiz CME e Projeto Musicando na escola ( parceria com a secretaria de educação de Pindamonhangaba).

A atual diretoria da Euterpe acredita piamente que um patrimônio como esse que representa a quase bi-centenária corporação, necessita de constante oxigenação. Alem disso, é possível um trabalho paralelo com as comunidades, fazendo com que a criança ou o jovem sinta prazer em aprender música de qualidade, ficando assim distante do submundo que representa hoje a vida nos bairros.

Pensando assim, um ideal da diretoria da Euterpe tem como meta trazer para o convívio da música as crianças e adolescentes que residem em bairros de periferia e central, ou ainda absorver jovens músicos que se desenvolveram em outros Projetos, mas não encontraram local e oportunidade para dar continuidade ao seu aprendizado.

O projeto já é desenvolvido em parte com o curso básico de teoria musical, mas essa iniciativa esbarra na falta de uma sede com espaço maior, o que impede que se trabalhe com um número grande de aprendizes.

 

Nos encontre:

 Pindamonhangaba-SP.
 euterpe.pinda@gmail.com

NOS CONTATE

[recaptcha]